Imagem Centro de Diagnóstico Médico
Área médica. Acesse aqui.

Banco de conhecimentos

Encontre um Caso Radiolgico, selecione abaixo a especialidade ou faa uma busca.

Endometriose ovariana

A endometriose plvica compromete com maior freqncia os ovrios, o peritnio de fundo-de-saco, o septo retovaginal e o ligamento largo. Os implantes freqentemente tem dimetro menor que 5 mm, o que faz com que geralmente no sejam identificveis aos exames de imagem. No caso da endometriose ovariana, a ultra-sonografia endovaginal pode mostrar um cisto contendo ecos finos homogneos com reforo acstico, conforme podemos observar na figura (a). Algumas vezes os achados ultra-sonogrficos deixam margem dvidas diagnsticas, o que faz com que possa ser solicitado um exame de ressonncia magntica, no s para caracterizar o cisto ovariano, mas tambm identificar reas de fibrose e procurar por implantes no septo retovaginal e em outros stios. Na figura (b) podemos observar o aspecto do endometrioma em um corte ponderado em T1 com supresso de gordura, que identificou o cisto j mostrado pela ultra-sonografia (seta), bem como outro menor. Ambos apresentam intenso hipersinal nesta seqncia, o que tpico de endometriose. A figura (c) representa um corte axial ponderado em T2, no qual observar-se que o cisto apresenta tambm hipersinal em T2. A seta indica uma rea fibrtica de aderncia junto margem inferior do endometrioma. Embora a laparoscopia seja amplamente considerada o procedimento diagnstico de escolha, a ressonncia magntica pode auxiliar no diagnstico inicial de alguns casos, permitindo tambm a monitorizao da evoluo da doena aps o diagnstico laparoscpico.

Clique na imagem para ampliar

Data: 09/11/2008

Por: Srgio Lins